quarta-feira, abril 30, 2008

um poema

miguel conde me pediu um inédito pro blog do prosa & verso, do jornal o globo. é um exercício sobre chamar-se poeta. tá .

terça-feira, abril 29, 2008

Este poema é com Gael García Bernal

Felizmente na poesia é possivel apropriar-se da imagem e de nomes de atores conhecidos. O intrigante é que tão poucos poetas se arrisquem aos procedimentos de casting. O casting, como as repetições e as rimas, deve ser um tempero da poesia. Este poema é com Gael García Bernal. Ele está sentado no chão, o olhar perdido, um livro de capa branca no colo. E eu te digo o que você está sentindo: profunda ternura, vontade de tomar coca-cola, vontade de fazer xixi.

quinta-feira, abril 24, 2008

amigos leitores deste blog, recomendo-vos com entusiasmo a edição de aniversário da INIMIGO RUMOR. para quem está no rio, em sp, em bh: compareçam ao lançamento. no rio, também vai ser uma belíssima oportunidade para conhecer a livraria berinjela (onde arrematei o "inéditos e dispersos" da ana c em edição da brasiliense); de ouvir a poeta francesa laure limongi e a banda 3 a 1; e de conhecer gente interessante. sim, porque ora bolas, só gente muito interessante (e bonita! e necessária! e de bom humor!) lê a inimigo rumor. eu queria ir e tomar uma coca-cola com o carlito, mas estou longe, não vai dar. então se vocês forem lá, tomem uma coca por mim, dêem um olá pro carlito. e se tiverem uns trocos a mais na carteira, arrematem a histórica primeira edição da modo de usar & co, publicada pela livraria berinjela. tem inspiração nessas duas para um ano inteiro! e é isso que a gente quer, não? muita inspiração. alegria. essas coisas.

as datas & endereços estão naquele post ali embaixo, ó.

sábado, abril 19, 2008

10 anos de inimigo rumor

hoje no JB tem uma reportagem da juliana krapp sobre os 10 anos da inimigo rumor, bem como uma entrevista com um dos editores, carlito azevedo.

adoro a inimigo rumor. fui publicada pela primeira vez lá, fiquei eufórica quando o carlito me convidou. foi um dos dias mais felizes da minha vida. não devo ser a única: aposto que muita gente deu pulinhos de felicidade ao saber que seus poemas iam sair na inimigo.

é uma revista que dá muita alegria.

devia ser mensal.


* no brasil. fui publicada pela primeira vez na argentina, por cristian de nápoli, em "cuatro poetas recientes de brasil" (2006). mas bem, seguindo aqui uma linha de pensamento que volta até junho de 2005, a culpa toda é do carlito.


quinta-feira, abril 17, 2008

DIA 26 no RIO
DIA 29 em SP
DIA 10 em BH


quarta-feira, abril 02, 2008